Mutirão Ecológico acontece em Campo Grande

07/06/2013

O Parque das Nações Indígenas vai ser palco da edição campo-grandense do Mutirão Nacional Escoteiro de Ação Ecológica (MutEco) no próximo sábado (8). Durante o evento, cerca de 200 crianças e adolescentes do movimento escoteiro participarão de atividades de conscientização ambiental em contato com a natureza. A programação também conta com uma campanha de arrecadação de pilhas e medicamentos.


Um estudo da Agência Nacional de Águas (ANA) mostra que, dos 29 maiores aglomerados urbanos do Brasil, 16 precisam achar novos mananciais para garantir o abas­tecimento até 2015. Os Escoteiros do Brasil defendem a água é como um bem fundamental para a vida, e a edição de Campo Grande do MutEco vai  abordar os cuidados necessário para evitar a falta de água potável usando jogos e atividades lúdicas para ensinar às crianças.


Pela manhã haverão bases com atividades educativas espalhadas ao redor da lagoa do Parque das Nações e panfletagem para quem passar pela área. À tarde o Mutirão de divide entre os córregos da bacia do Prosa para coletar e testar a qualidade da água dos mananciais. As informações coletados serão enviados para um banco de dados da Federação de Ambientes Aquáticos (WEF) e a Associação Internacional da Água (IWA) com informações sobre a qualidade da água de todo o mundo, .


Apesar de 80% do Aquífero Guarani estar no Centro-Oeste e cerca de 213.700m² se localizarem sob o Mato Grosso do Sul, dados da ANA revelam que a falta de ações efetivas para evitar a atual superexploração do Aquífero pode tornar o uso da água do manancial inviável dentro de meio século.


Na 22ª edição do MutEco, os Escoteiros somam esforços na campanha internacional de cooperação pela água coordenada pela ONU. Os Escoteiros querem gerar mudanças no comportamento de crianças e adolescentes para evitar a falta de água no futuro.


Coleta de Pilhas e medicamentos


Durante todo o mês de maio os Escoteiros de Campo Grande fizeram uma campanha de coleta de pilhas e medicamentos para serem descartadas de maneira consciente em postos de coletas, como farmácias. As pessoas que visitarem o Parque das Nações Indígenas durante o MutEco também podem levar seu material de descarte e deixar nas bases de atividades escoteiras espalhadas pelo local.

 


Quanto mais ação, melhor


Além da programação oficial do evento, os grupos escoteiros de Campo Grande vão realizar ações pontuais em suas áreas, como no caso do Grupo Escoteiro Mario Dilson que realiza uma campanha de coleta de óleo de cozinha entre os moradores e os empresários da região do Jardim Noroeste. A ideia é reciclar o material coletado. Os adolescentes do grupo também iniciaram uma campanha de mobilização social a respeito do problema de erosão no Parque Prosa que vai resultar em um abaixo-assinado.

 

Fonte: Assessoria de Comuniacação

VOLTAR PARA AGENDA

+ AGENDA