Cuco – A linguagem dos bebês no teatro

14/05/2016

Espetáculo voltado para bebês circula SC na Rede Sesc de Artes Cênicas

Preparem os bebês: O Cuco vem aí!

Inspirado no universo da primeira infância, o premiado espetáculo “Cuco – A linguagem dos bebês no teatro”, da Cia Caixa do Elefante (RS) circula o Estado na Rede Sesc de Artes Cênicas. A peça é construída a partir de microcontos sobre a poética do “esconder e o revelar”, uma das primeiras experiências lúdicas e estéticas dos bebês.

As apresentações gratuitas acontecem em Joinville (20/05), Jaraguá do Sul (21/05), Itajaí (22/05), Florianópolis (24/05), Laguna (25/05), Lages (27/05) e Chapecó (28/05) e a programação detalhada pode ser consultada em:http://portal.sesc-sc.com.br/evento/2676.

O espetáculo é o resultado de uma pesquisa realizada em parceria com o pedagogo Paulo Fochi, acerca das possibilidades de performance artística para bebês e crianças de 0 a 3 anos. Dirigida por Mário de Ballentti, a montagem tem Ana Luiza Bergmann e Bruna Baliari no elenco e trilha sonora composta por Marcelo Delacroix e Beto Chedid.

“Cuco” traz um universo em que a surpresa do começo, da chegada, da primeira vez, transforma a manipulação de objetos do cotidiano em pequenas histórias. A peça dialoga com os bebês, apostando na linguagem da não-palavra para criar uma conexão com eles, que são protagonistas e centro do processo de criação, mesmo quando na condição de espectadores junto a seus pais. A proposta vai além de observar, mas permitir a experiência de manipular os materiais, atuar e interagir com os outros e com o mundo, em um tempo diferente do adulto.

O cuidado em proporcionar um ambiente de conforto e segurança se reflete no cenário – constituído de uma cama acolchoada, localizada no centro da sala e cercada por assentos para a acomodação dos pais e dos filhos. O formato arena da montagem possibilita um espaço de acolhimento e interação.

Recentemente o espetáculo foi indicado a sete categorias do Prêmio Tibicuera 2015, sendo vencedor nas categorias de Melhor Espetáculo Infantil, Melhor Direção, Melhor Cenografia e Melhor Produção. 


VOLTAR PARA AGENDA

+ AGENDA